R$9,90

setembro 3, 2007

Nem a internet, nem a pirataria desenfreada me fizeram desistir de comprar CD´s originais. Apesar de desanimar bastante quando vejo os preços salgados nas lojas, ainda, quando posso, prefiro o encarte bem trabalhado das capas do que os xerox das barraquinhas de camelô.

Mas se o dinheiro está curto, você pode procurar as promoções. Muitas vezes, as lojas de departamento oferecem várias dessas. O mais comum é o R$ 9,90.

Me deliciei no sábado passado na Lojas Americanas com uma queima de estoque de CD´s. E tinha pra todos os gostos. Milhares de discos do Legião Urbana, Charlie Brown Jr., Kid Abelha, Raimundos (que saudade da antiga formação dos caras), Sandy e Júnior, Titãs, os sertanejos da vida (Zezé di Camargo e Luciano eram os campeões), além dos acústicos de Lulu Santos e Capital Inicial.

O premiado, o que foi levado pra casa, foi uma coletânea de sucessos do Eric Clepton.

Clapton surgiu nos anos 70 como o maior guitarrista da Grã-Bretanha. Seu reinado só veio abaixo com a chegada de Jimi Hendrix.

Desde jovem, Clapton levava sua batida para o rock e o blues. Tanto que deixou sua primeira banda, Yardbirds, quando viu que eles estavam embrenhado para o mundo pop. É possível conferir a pegada blues do cara em vários dos seus discos, sendo que o ponto máximo foi sua parceria com um dos reis desse ritmo, B.B. King, com o ótimo disco “Riding With The King“.

Levando em conta que Eric Clapton é um músico que vale gastar uma boa grana, acho que faturei legal comprando um disco dele pelos míseros R$ 9,90.

* Curiosidade: Cocain fez parte da trilha sonora de O Senhor das Armas, filme com Nicolas Cage. Ela aparece na cena em que o irmão de Cage surge, claro, mandando vê em quilos e quilos de pó. “She don´t lie!”

Anúncios